Agência de experiências culinárias especializada na cozinha regional brasileira.

A história nos mostra que a origem da culinária brasileira tem suas matrizes na generosidade de temperos, ingredientes e preparos da cultura indígena, africana e portuguesa.

Ao longo do tempo, essa cozinha foi enriquecida pelas inúmeras correntes imigratórias, tornando-se mais rica em variedades e cores.

Nosso propósito é resgatar essa história e promover a atividade econômica das comunidades regionais, conectando pessoas com o prazer de cozinhar por meio de experiências culinárias interativas.

REGIÃO NORTE

Testemunho da cultura indígena, 5 milhões de km2 abraçam pirarucus, tucunarés, tambaquis, surubins, taperabás, muricis e muito cupuaçu, açaí, tucupi e tacacá, sob as bençãos alegres da mandioca.

REGIÃO NORDESTE

Na mesa do nordestino tem cuxá, arroz de capote, caranguejada, oi, queijo do sertão, carne de sol, baião de dois, manteiga de garrafa, buchada de bode, sururu, arraia e, diga aí meu rei? Vatapá, caruru, munguzá, herança de africanos, europeus e índios.

REGIÃO CENTRO-OESTE

Junte nortistas, índios e bandeirantes, uma pitada de Pantanal, um tanto de Cerrado, água, muita água, e bom apetite! Caldo de piranha, salada de guariroba, capivaras, pacas, tatus, arroz com pequi, empadão goiano, feijão tropeiro e banana frita com açúcar e canela.

REGIÃO SUDESTE

Da feijoada ao filé à Oswaldo Aranha, do tutu de feijão ao ora-pro-nobis, da moqueca capixaba ao caldeirão paulista, onde a cozinha caiçara e caipira convivem harmoniosamente.

REGIÃO SUL

Chimarrão e churrasco são as especialidades. Mas não penses que fica por aí. Tu conheces galinha com polenta ao fio? Já sentistes o cheirinho do fogão a lenha? É o barreado, culinária típica dos tropeiros.